Thursday, 08 February 2024 16:44

Fundação BB lança projeto para geração de renda para catadores de recicláveis Featured

Written by Assessoria de Comunicação
Rate this item
(1 Vote)

abertura

Investimento na iniciativa é de R$ 4 milhões

Nesta segunda-feira, 5, a Fundação Banco do Brasil firmou parceria com a Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários (Unisol), que destina R$ 4 milhões em investimentos sociais para aumentar a renda e melhorar as condições de trabalho de catadores e catadoras de materiais recicláveis de sete municípios da Bahia.

O lançamento aconteceu no auditório da Secretaria Estadual do Planejamento (Seplan), em Salvador, com a assinatura do convênio para alocação de recursos financeiros necessários à implementação do Ecorecicla Mais: Consórcio Ambiental de Resíduos Sólidos da Bahia.

As atividades planejadas para o Ecorecicla Mais envolvem a melhorias da capacidade de gestão dos empreendimentos e da infraestrutura para o processamento e beneficiamento de resíduos sólidos. Há ações focadas na melhoria da logística a partir da implementação de técnicas de triagem e reciclagem.

O projeto vai abranger ações com a participação de estudantes, professores da rede pública, jovens e catadores dos municípios de Alagoinhas, Camaçari, Cardeal da Silva, Entre Rios, Inhambupe, Salvador e Santo Amaro. Haverá, entre outras atividades programadas, a capacitação de mais de 240 catadores e a elaboração de Plano de Sustentabilidade e Comercialização.

O aprimoramento do trabalho realizado pelos cooperados integrados à Unisol Bahia envolve o desenvolvimento de planos de logística e coleta para os territórios de abrangência dos projetos nos municípios participantes. As atividades vão contemplar também a implantação de uma unidade de recondicionamento de computadores a partir da reciclagem de lixo eletrônico.

A Fundação Banco do Brasil é apoiadora da iniciativa e defensora da transformação de vida dos atores locais por meio da geração de renda com a coleta dos recicláveis. Outra perspectiva do projeto é consequentemente o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), no combate à pobreza, enfrentamento à fome e na redução das desigualdades de número 1, 2 e 10 respectivamente.

 Kleytton presid Fundacao redux

Kleytton Morais, presidente da Fundação Banco do Brasil, participou do lançamento do projeto e mencionou pontos importantes da iniciativa relacionados a atuação institucional. “Destaco no Ecorecicla Mais o apoio aos empreendimentos das cooperativas de catadoras e dos catadores, grupos integrados aos nossos públicos priorizados. No campo da sensibilidade social, o projeto busca reconhecer e dar visibilidade à prestação de serviço ambiental realizado por estes trabalhadores. E as ações planejadas do Ecorecicla Mais vão proporcionar, em alinhamento com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, a geração de renda e melhoria de vida para os participantes, por meio da aquisição de equipamentos, capacitação e a construção de galpão entre outros benefícios".

Ecorecicla Mais

O Ecorecicla Mais é um importante instrumento que tem como propósito melhorar as condições de trabalho de catadoras e catadores de materiais recicláveis da Bahia, aumentar a renda e ampliar a capacidade de gestão dos empreendimentos. A iniciativa ainda contribui com a preservação do meio ambiente, por meio da prestação de serviços ambientais realizados por esses trabalhadores, melhorando a qualidade de vida da comunidade. Todas essas ações fortalecem a Política Nacional de Resíduos Sólidos, reduzem as desigualdades e promovem a cidadania.

Além das atividades dedicadas ao aprimoramento do trabalho dos catadores haverá também no projeto a realização de reuniões dos participantes diretos junto a representantes do poder público dos municípios contemplados assim como com o governo estadual. O propósito é buscar meios de debater a implementação estruturada da Política Nacional de Resíduos Sólidos. 

Read 4077 times Last modified on Thursday, 08 February 2024 17:19

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.